Ementas


Disciplinas Obrigatórias

  • Ensino e Interdisciplinaridade na Escola Pública

Perspectivas de ensino: teorias e metodologias. Concepções de aprendizagem e as diferentes visões epistemológicas de Ciência, Ensino (inter)disciplinar e tecnologias: a construção do conhecimento e a acomodação dos saberes em campos disciplinares. Diálogo entre saberes: Ciências Humanas e Sociais, Ciências Exatas, Estudos Linguísticos e Literários, imagens e linguagens artísticas. A redefinição de paradigmas e as novas fronteiras entre saberes. Prática, pesquisa e formação docente: escola, contexto tecnológico e possibilidades interdisciplinares.

  • Pesquisa em Ensino

Compreensão dos pressupostos teóricos da investigação científica. O trabalho da investigação científica e a interdisciplinaridade. Ensino e pesquisa na formação docente. Perspectivas históricas das pesquisas qualitativa e quantitativa. Características e análise comparativa entre distintos métodos e técnicas de pesquisa qualitativa. Legitimidade nas investigações em Ensino, tecnologias e interdisciplinaridade. Análises e interpretação de dados em pesquisas. Possibilidades de pesquisa na escola pública: objetos, metodologias, abordagens.

  • Seminários de Pesquisa

Aprofundamento de temas específicos relacionados às Linhas de Pesquisa; estudos de especialidades temáticas relacionados aos projetos de Pesquisa. Leituras direcionadas ao debate sobre temas específicos da produção discente.

  • Redação de projeto investigativo

Desenvolvimento do projeto investigativo com vistas ao exame de qualificação.

  • Prática de pesquisa orientada

Desenvolvimento orientado da pesquisa com vistas à construção/coleta de dados.

Disciplinas obrigatórias das linhas

  • Ensino-aprendizagem de Ciências Humanas e Sociais

Ensino de humanidades: livro didático, fontes e princípios. Tecnologias, múltiplas linguagens e o processo ensino-aprendizagem nas ciências humanas e sociais. Sociedade tecnológica, culturas, escola e saberes: relação entre local e o global. As ciências humanas e sociais e a construção da interdisciplinaridade. A construção do conhecimento no espaço da escola pública. Conhecimento e a relação com o saber construído na relação docente/discente/contexto escolar. Conteúdos, currículo e avaliação: as possibilidades de inovação na escola pública.

  • Ensino-aprendizagem de Línguas e Artes

Relação linguagem, arte, cultura, sujeito e ensino. A escrita como produção social. Práticas discursivas e alfabetização na escola. O texto literário na escola. História das principais correntes linguísticas: linguística e ensino. Tecnologia e ensino: produção de material didático na área de Artes, Língua e Literatura. A Linguística aplicada ao ensino de língua: teoria e aplicação. Linguagens e tecnologias. Diferentes linguagens verbais (fala e escrita), visuais (artes plásticas) e audiovisuais (cinema e televisão) que dão forma à Educação cultural e escolar.

  • Ensino-aprendizagem de Ciências Naturais, Matemática e Tecnologias

A didática das ciências naturais e das tecnologias enquanto campo autônomo de conhecimentos. Teorias da aprendizagem: Ensino Tradicional de Ciências e Tecnologia, Aprendizagem Significativa, Mudança conceitual, Aprendizagem como processamento de informação. Uso de modelos e analogias. História e Filosofia da Ciência e da Tecnologia no Ensino. A formação de conceitos científicos e conhecimentos tecnológicos. Modelos de Formação em Cursos de Engenharia.

Disciplinas Optativas

  • Didática do Ensino Superior

A Didática e seu objeto de estudo no Ensino Superior. Fundamentos epistemológicos, histórico-políticos e pedagógicos da Didática no Ensino Superior. O Ensino Superior no Brasil: história, currículo(s), formação de professores(as) e marcos normativos. A docência na Educação Superior: os professores iniciantes e os desafios da docência. O Planejamento e a avaliação no processo de ensino e de aprendizagem na Educação Superior. A interdisciplinaridade e o Ensino Superior. A aula universitária. Os saberes docentes, a práxis pedagógica/educativa e a construção do conhecimento no Ensino Superior.

  • Ciência, Tecnologia e Sociedade

Origem e repercussão do movimento Ciência-Tecnologia-Sociedade-Ambiente (CTSA), enquanto campo de pesquisa e ação política. Discussão sobre as relações CTSA e suas consequências para o ensino de ciências naturais, humanas e tecnologias. Análise de materiais didáticos e propostas curriculares com enfoque CTSA. Elaboração de projetos CTS para o ensino de ciências naturais, humanas e tecnologias.

  • História e memória do ensino no Brasil

O ensino como campo de pesquisa da história. Teorias pedagógicas. História das instituições de ensino. História do Ensino Superior. História do ensino profissional. Pesquisa, problematização e fontes documentais (escrita, oralidade, memória, dentre outros) das práticas de ensino no que tange a temas como: gênero, sexualidade, trabalho, etnia, disciplinas escolares, letramento, mídias, intelectuais, práticas educativas não escolares.

  • História e Memória da Educação Profissional no Brasil

A História da Educação como campo de pesquisa no Brasil. Fontes para a História da Educação. A Educação Profissional e Tecnológica no Brasil: da Colônia à atualidade. Memória e produção do conhecimento em Educação Profissional e Tecnológica. Políticas públicas para a Educação Profissional no Brasil nos séculos XX e XXI.

  • Bases conceituais da Educação Profissional e Tecnológica

A formação humana integral. O trabalho como princípio educativo. A educação politécnica. As mudanças no mundo do trabalho e as novas exigências formativas dos trabalhadores em uma perspectiva de emancipação dos sujeitos. A relação entre o ambiente acadêmico/escolar e o setor produtivo. O currículo integrado. A articulação trabalho, ciência, tecnologia e cultura.

  • Educação do Campo e Ensino no Semiárido

Estudo da Educação do Campo em uma perspectiva histórica, política, teórico-metodológica e pedagógica. O Movimento Nacional de Educação do Campo. Políticas Públicas da Educação do Campo. Formação de professores/educadores da Educação do Campo. Currículo e Educação do Campo. As escolas do campo, o currículo e o ensino contextualizado com o semiárido. Pedagogia da alternância – concepções e princípios. Movimentos Sociais do Campo.

  • Currículo e as práticas pedagógicas na escola

As teorias do currículo e formação profissional docente. Pressupostos sociopolíticos e filosóficos do currículo: debates contemporâneos. Seleção, organização e distribuição do conhecimento escolar. Concepções curriculares presentes no cotidiano das práticas docentes. Ciclo contínuo de políticas e a perspectiva discursiva de currículo. Currículo na escola. A concepção descentrada de currículo e as ressignificações no contexto da prática. 

  • Experimentação no Ensino e Ciências Exatas e da Natureza

História da experimentação no Ensino das Ciências Exatas e da Natureza. Contribuição do uso da experimentação como meio investigativo no processo de ensino aprendizagem. Elaboração de experimentos com material de baixo custo. Principais desafios e os novos rumos da experimentação nos diferentes níveis de Ensino das Ciências Exatas e da Natureza.

  • Métodos quantitativos na pesquisa em ensino

A pertinência das metodologias quantitativas na pesquisa em ensino. Noções de Amostragem e inferência estatística. Método estatístico, distribuição de frequência, medidas de tendência central e de dispersão, apresentação gráfica. Principais testes paramétricos e não paramétricos. Medidas de Confiabilidade de dados de questionários e surveys. Abordagem emergente na pesquisa: Pesquisa quali-quantitativa. Análise de correlação e regressão linear. Software de apoio estatístico.

  • Pesquisa, Narrativa e Ensino

Breve histórico e visão contemporânea da Pesquisa Narrativa. Conceituação, domínio e terminologias específicas. A Pesquisa Narrativa e sua relação com as diferentes orientações teóricas e vertentes metodológicas de pesquisas desenvolvidas sobre identidade profissional e ensino por meio de narrativas orais e/ou escritas.

  • Linguística Aplicada e Ensino

Estudo dos processos de ensino-aprendizagem de línguas na perspectiva da Linguística Aplicada: abordagens interdisciplinares e indisciplinares na escola pública. 

  • Multiletramentos, Tecnologias Digitais e Ensino

 Trajetória dos estudos dos letramentos no Brasil até a proposta da pedagogia dos Multiletramentos e o uso de novas tecnologias. Problematização das diversidades de linguagem que constituem os multiletramentos. Pesquisa, problematização e aplicação da teoria à sala de aula.

  • Critical pedagogies for language learning in schools

Teaching from a critical pedagogical perspective. Pedagogy of multiliteracies. Applied Linguistics and language learning in schools.

  • Linguística Textual e Ensino

Estudo dos processos e estratégias de textualização na construção do sentido do texto/discurso: parâmetros de textualidade (coesão, coerência, intertextualidade), tópico discursivo, referenciação, argumentação, gêneros discursivos, sequências e tipos textuais e suas aplicações para o ensino.

  • Tecnologias e Ensino a Distância

 Tecnologia, técnica, saber prático e ensino. Teoria geral das técnicas, ciência e tecnologia. Ensino, tecnologias digitais e cibercultura. O uso de tecnologias no ensino a distância. História do ensino a distância e tecnologias. Princípios e teorias do ensino a distância. Ensino a distância, cibercultura e as tecnologias digitais.

  • Leitura(s) e ensino

Abordagens teóricas sobre leitura. Leitura de múltiplas linguagens. Ensino da leitura na educação básica.

  •  Escrita e ensino

Abordagens teóricas sobre escrita. Aquisição e desenvolvimento da escrita. Ensino da escrita na educação básica.

  • Música(s) e ensino

Educação musical em diferentes espaços educacionais e socioculturais. Experiências práticas e fundamentação teórico-metodológica para a ação docente. Relação com as demais áreas do conhecimento.

  • Dimensões psico-emocionais, sociais e culturais do ensino

Refletir sobre as bases do processo de ensino, nos seus aspectos sociais, culturais e psicoemocionais, tecendo relações entre a escola e a sociedade, para estabelecer vínculos que possibilitem compreender o papel desses espaços-tempos e meios sociais na formação de subjetividades.

  • Ensino e Diversidade

 Ensino, relações étnico-raciais e diversidade cultural. A legislação a respeito das relações étnico-raciais no sistema educacional. Gênero, identidade, sexualidade e educação. As culturas africanas, afro-brasileiras e indígenas e o ensino para a diversidade. Multiculturalismo, reconhecimento e diversidade cultural no espaço escolar. 

  • Tópicos Especiais II – O Ensino e as Imagens: teorias e abordagens interdisciplinares

As imagens não são apenas ilustrações. Elas transmitem e retransmitem saberes, por isso são analisadas sob o crivo das teorias e das perspectivas epistemológicas que cercam as diversas disciplinas. Portanto abordará os temas centrais: Estatutos e função da imagem em diferentes áreas de conhecimento; abordagens teórico-metodológicas para a decodificação de imagens no âmbito dos estudos e pesquisas interdisciplinares; Imagens como linguagens textuais; Imagens como fontes de Pesquisa; A cultura visual como expressão e saberes; Imagens e suas acepções: nos livros didáticos, no cinema, na TV, nos corpos.

  • Tópicos Especiais II - Currículo, tecnologias e disciplina(s): pensando a escola na sociedade contemporânea

Currículo, normas, livro didático e sujeitos escolares. Direitos, violência/indisciplina e contexto escolar. Tecnologias e práticas educacionais inovadoras. Metodologias de ensino e possibilidades de aprendizagem significativas.

  • Tópicos Especiais II – História e Memória da Educação Profissional e Tecnológica

A História da Educação como campo de pesquisa no Brasil. Fontes para a História da Educação. A Educação Profissional e Tecnológica no Brasil: da Colônia à atualidade. Memória e produção do conhecimento em Educação Profissional e Tecnológica. Políticas públicas para a Educação Profissional no Brasil nos séculos XX e XXI.

  • Tópicos Especiais – Teorias de Currículo e Ensino

Teorias do currículo e ensino. Pressupostos sociopolíticos e filosóficos do currículo: debates contemporâneos. Seleção, organização e distribuição do conhecimento escolar. BNCC: debate político, mobilização e implementação. Interdisciplinaridade e Currículo. Propostas curriculares desenvolvidas em espaços escolares.

  • Tópicos Especiais I - Formação, avaliação e aprendizagem no ensino de ciências humanas

Formação e prática docente. Concepções e práticas de avaliação escolar. Relação planejamento-objetivos-avaliação. Avaliação docente-discente e aprendizagem. A essencialidade do ensino. Percursos e tendências do ensino de ciências humanas.

  • Tópicos Especiais I – Pesquisa Qualitativa na Sala de Aula: princípios e processos

Analisar as caraterísticas que diferenciam a pesquisa qualitativa dos outros tipos de investigação. Compreender os pressupostos teórico-práticos da pesquisa qualitativa da sala de aula, com ênfase nos seus princípios, natureza e processos. Discutir as dimensões filosóficas da pesquisa qualitativa em educação, salientando sua potencialidade para perceber os saberes subjacentes que emergem de situações sociais e educacionais cotidianas. Valorizar nos discursos da pesquisa qualitativa o papel da subjetividade expressa nas vozes tanto do pesquisador quanto dos colaboradores (pesquisados) no momento da interpretação das informações e da comunicação dos resultados.

  • Tópicos Especiais II - Narrativas e aprendizagens

Problematização do conceito de narrativa. O lugar da narrativa nas tipologias textuais. Desenvolvimento da competência de contar e de interpretar histórias. Narrativa e desenvolvimento pessoal/identitário, profissional e social. O lugar da narrativa no currículo escolar. Análise de narrativas.

 

  • Tópicos Especiais I - Linguagem e Discurso

Estudos da linguagem, sob a ótica do sócio-interacionismo, envolvendo abordagens sócio-culturais, textuais e discursivos e a análise de textos e discursos. 

  • Tópicos Especiais II – Formação Pedagógica para a Docência na Educação Superior

Demandas das sociedades atuais sobre as características pessoais, técnicas e sociais que os profissionais graduados das universidades precisam ter. A Educação Superior no Brasil: história, marcos normativos e cenário atual. O professor da educação superior como profissional e pessoa sensível capaz de perceber os saberes subjacentes nas práticas cotidianas dos contextos complexos das salas de aula atuais. Professores iniciantes na Educação Superior: saberes docentes, desafios e dilemas no Ensino Universitário. As didáticas na Educação Superior a partir da perspectiva histórico-cultural. Interdisciplinaridade e Ensino Superior: a aula universitária. Os pressupostos teórico-práticos, princípios e processos do ensino baseados em projetos na Educação Superior. O ensino e a aprendizagem no contexto de uma ecologia sustentável. Estratégias de auto-co-hetero formação na educação superior. Avaliação Institucional e Avaliação da Aprendizagem na Educação Superior: abordagens e características.

  • Ensino e Diversidade Cultural

Ensino, relações étnico-raciais e diversidade cultural. A legislação a respeito das relações étnico-raciais no sistema educacional. Gênero, identidade, sexualidade e educação. As culturas africanas, afro-brasileiras e indígenas e o ensino para a diversidade. Multiculturalismo, reconhecimento e diversidade cultural no espaço escolar.

  • Tópicos avançados em Ensino de Ciências Naturais e Matemática I: Alfabetização científica, letramento matemático e pensamento crítico

A alfabetização, a literacia e o letramento científico, matemático e tecnológico. Propostas de alfabetização científica e tecnológica. Articulações entre o movimento CTS e a ACT no ensino de ciências e matemática. O pensamento crítico no ensino de ciências e matemática. O ensino de ciências e matemática e as relações de poder. Do pensamento abissal à ecologia de saberes.

  •  Tópicos Especiais em Ensino I – Ensino e Currículo

Teorias do currículo e ensino. Pressupostos sociopolíticos e filosóficos do currículo: debates contemporâneos. Seleção, organização e distribuição do conhecimento escolar. BNCC: debate político, mobilização e implementação. Interdisciplinaridade e Currículo. Propostas curriculares desenvolvidas em espaços escolares.

  • Tópicos Especiais em Ensino II: Colonialidade, Modernidade e Ensino

 Colonialismo e pensamento pós-colonial. O giro epistemológico decolonial. Colonialidade, racismo, eurocentrismo e modernidade. Relações de gênero e colonialidade. Racismo e sexismo epistêmico. Pedagogia decolonial.

 

  • Tópicos Avançados em Ensino de Ciências Humanas e Sociais I - Imagens e Ensino: teorias e abordagens interdisciplinares.

As imagens não são apenas ilustrações. Elas transmitem e retransmitem saberes, por isso são analisadas sob o crivo das teorias e das perspectivas epistemológicas que cercam as diversas disciplinas. Portanto abordará os temas centrais: Estatutos e função da imagem em diferentes áreas de conhecimento; abordagens teórico-metodológicas para a decodificação de imagens no âmbito dos estudos e pesquisas interdisciplinares; Imagens como linguagens textuais; Imagens como fontes de Pesquisa; A cultura visual como expressão e saberes; Imagens e suas acepções: nos livros didáticos, no cinema, na TV, nos corpos.

 


Atualizado por: Adna Raquel de Morais Barreto em 23/07/2021 (Setor para Contato: FALA - Diretoria da FALA )

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN
Campus Universitário Central, Rua Professor Antônio Campos, s/n, BR 110, km 48, Bairro Costa e Silva - Mossoró/RN | 59633-010 | posensino@mestrado.uern.br | (84) 3315-2173
© 2012 Agência de Comunicação da UERN - AGECOM | agecom@uern.br | 84 3315-2144 / 3315-2115 | Sistema de Controle de Páginas

^